Autarquias ouviram coletividades

Autarquias ouviram coletividades

Registar o contributo do movimento associativo acerca das iniciativas que devem integrar o plano de atividades da autarquia em 2013, constituiu o tema de um encontro promovido pela Junta de Freguesia com as coletividades e associações sediadas na Quinta do Conde, realizado dia 23 de novembro.

A reunião, caracterizada pela adesão da generalidade das agremiações quitacondenses e pela manifestação de disponibilidade para participar nos eventos que a Junta propõe levar a efeito, visando a dinamização e afirmação da Freguesia, permitiu ainda à equipa que lidera os destinos da Quinta do Conde, colher o sentimento do movimento associativo sobre as realizações concretizadas ao longo deste ano.

Marcando também presença no encontro, José Polido, vereador da Câmara Municipal de Sesimbra, titular dos pelouros das Finanças e do Desporto, deu conta à assistência das dificuldades com que o a edilidade se debate, devido à acentuada quebra de receitas, situação que a obrigou a recorrer ao denominado Programa de Apoio à Economia Local (PAEL) em ordem a aliviar algumas despesas correntes.

Por essa razão, adiantou o responsável camarário, “não nos é possível apoiar, como gostaríamos, o movimento associativo do concelho, nem definir quais ainda as iniciativas que figurarão no plano de atividades e orçamento do município de 2013, porque estamos à espera do dinheiro que venha do PAEL, cuja verba ao certo ainda desconhecemos.”