Jovens ciclistas de vários pontos do país pedalaram nas ruas da Quinta do Conde

Jovens ciclistas de vários pontos do país pedalaram nas ruas da Quinta do Conde

Adquirindo uma regularidade que o torna já numa referência do calendário de provas juvenis nos escalões de formação, confirmada na adesão de atletas e clubes, o Prémio de Ciclismo Juvenil da Quinta do Conde conheceu a 9 de Abril a sua 6ª edição, animando algumas artérias da localidade.

Resultante de uma parceria estabelecida entre a Junta de Freguesia e a Associação de Ciclismo de Setúbal, a prova, apoiada pela Federação Portuguesa de Ciclismo e Câmara Municipal de Sesimbra, pretende valorizar a tradição que o ciclismo possui na localidade, na qual, de resto, residem várias figuras ligadas à modalidade, e fomentar a sua prática junto da comunidade local.

Registando, desta feita, a participação de mais de 160 ciclistas, em representação de 24 clubes, a edição de 2017 do referido prémio, suscitou o interesse de jovens e responsáveis por clubes de várias localidades do centro e sul do país, tornando a Freguesia no centro das atenções em matéria de ciclismo juvenil, nesse dia.

Alcobaça, Albufeira, Almodôvar, Torres Vedras, Moura, Marinhais, Évora, Lousa, Almada, Mato Cheirinhos e Paio Pires são algumas das localidades, cujos clubes marcaram presença na aludida prova, confirmando assim o prestígio que, ano após anos, vem granjeando junto dos amantes da modalidade.

Para Eduardo Guilherme, presidente da Associação de Ciclismo setubalense, “esta edição da prova foi muito positiva, posto que constituiu um salto do ponto de vista organizativo, já que tudo correu sem sobressaltos. Uma situação que decorre da experiência que colhemos dos anos anteriores.”

Trata-se de uma iniciativa para a qual muito contribui a colaboração que a Junta de Freguesia nos confere e fazendo deste dia uma excelente jornada de divulgação e promoção do ciclismo junto dos mais jovens, motivando, por isso, o natural interesse dos clubes que se dedicam a estes escalões etários”.

De acordo com José Marques, técnico responsável pelo gabinete técnico do sector de formação na Federação Portuguesa de Ciclismo, a aludida prova “processou-se sem contratempos. Aliás, desta vez, até as condições climatéricas ajudaram, proporcionando que a sua realização se assumisse como um momento de diversão dos miúdos e de salutar convívio entre pais e directores dos clubes que investem no processo formativo dos jovens. ”

Segundo ainda o director da prova, “foi, em suma, uma óptima jornada de promoção da modalidade, efectuada num percurso que dispõe de muito boas condições técnicas para o efeito, já que dispõe de descidas, subidas e curvas, logo, todas as características que um circuito desta natureza deve ter.”

Os vencedores foram: Diogo Antunes (BTT Loulé / BPI / Elevis) em juvenis masculinos; Inês Nascimento (ACD Milharado / Escola de Ciclismo Manuel Martins) em juvenis femininos; Magda Cruz (LA Alumínios / SGR Ambiente / CC Paio Pires) em cadetes femininos; Tiago Santos (Alcobaça CC / Crédito Agrícola) em infantis masculinos; Ana Fernandes (CAJ Raposa) em infantis femininos; Daniel Franco (BTT Team SU Colarense / CS Treino/ Loja Poupe) em iniciados masculinos; Rita Casquilho (ACD Milharado / Escola de Ciclismo Manuel Martins) em iniciados femininos; José Estevão (Jorbi Team José Maria Nicolau) em benjamins masculinos e Madalena Santos (Alcobaça CC / Crédito Agrícola) em benjamins femininos. Coletivamente venceu a equipa “BTT Loulé / BPI / Elevis“, seguida da “ACD Milharado / Escola de Ciclismo Manuel Martins” e da “Matos Cheirinhos / Vila Galé / Etopi”.

Classificações VI Prémio de Ciclismo Juvenil da Qta Conde