Um Espaço d’Artes para Quinta do Conde

Um Espaço d’Artes para  Quinta do Conde

A Junta de Freguesia da Quinta do Conde inscreveu no seu Plano de Atividades para 2016 a intenção de “defender a criação de um ‘Centro de Artes’ no setor norte da Várzea da Quinta do Conde, designadamente para escultura nas suas vertentes várias, pintura, cerâmica, azulejaria…”

Agora, no âmbito do “I Festival da Terra, Artes e Biodiversidade” propõe-se uma Tertúlia sobre o assunto, a decorrer na Junta de Freguesia, dia 2 de junho, pelas 21h00.

Estão convidados artistas, dirigentes associativos e autárquicos e público em geral. Todos têm opinião, todos têm uma palavra a dizer sobre o assunto.

A Quinta do Conde justifica um espaço desta natureza? Será a Várzea o local mais adequado para este fim? Que modelo? Quais as vantagens e os inconvenientes?

Tertúlia (1)