Quinta do Conde reativa Comissão de Utentes da Saúde

Quinta do Conde reativa Comissão de Utentes da Saúde

Os moradores da Quinta do Conde, decidiram reativar a Comissão de Utentes da Saúde com o objectivo lutar contra as carências com que que os habitantes da localidade se confrontam quotidianamente, em resultado da ausência de médico de família.

Insatisfeitos com o significativo número de habitantes sem médico atribuído e um vasto conjunto de deficiências que colocam em causa o direito à saúde, um grupo de moradores da freguesia, entre os quais alguns elementos da antiga comissão de utentes, entendeu necessário redinamizar a actividade da referida estrutura.

Nesse sentido, após reunião na Junta de Freguesia, com o intuito de abordar esta temática, decidiu promover um plenário de utentes nas instalações da autarquia tendente a analisar o quadro com que os cidadãos se debatem, procurar formas de contribuir para a sua significativa alteração e proceder à eleição da citada comissão.

No decurso do encontro Vítor Antunes, presidente da mencionada Junta de Freguesia, historiou o processo e expressou o apoio da autarquia aos objetivos enunciados pelos quintacondenses que integram a citada estrutura, disponibilizando as instalações da autarquia para as suas reuniões, ou encontros que decida levar a efeito.

De acordo com o autarca, “este encontro estava inicialmente perspectivado para as instalações do Centro de Saúde, mas ante a alegada falta de espaço evocada pelos seus responsáveis levou os membros da comissão a transferir a sua realização para a sede da Junta, situação que acolhemos com naturalidade, em consequência de sermos uma entidade disponível para apoiar os esforços de quem procura melhorar a vida dos cidadãos que aqui vivem”

Para os membros da nova Comissão de Utentes, o seu papel é o de trabalhar com vista contribuir para evitar a degradação dos cuidados de saúde, concretizando uma série de acções de esclarecimento junto dos utentes, na primeira linha das quais será a defesa do direito à saúde, pois sublinham ”o que nos move é a defesa desse direito, dialogando com médicos, enfermeiros e todos quantos exercem a sua atividade nesta área, a fim de que se encontrem soluções capazes de responder às atuais necessidades da população”

Segundo Sebastião Lameiras, presidente da aludida Comissão, entre as prioridades figura por isso, a resolução da atual capacidade do Centro  de Saúde , a ausência de um serviço de urgências, a falta de várias especialidades médicas e a valorização do papel do denominado enfermeiro de família.”

Fazem parte da Comissão, além do já citado Sebastião Lameiras, Afonso Esteves, Andreia Pereira, Angelina Patrício, António Cristo, António Maciel, Benilde Ropio, Emília Leite, Fátima Maia, Fátima Portugal, José Braga, Liliana Martins, Maria Conceição Cristo Marina Silva, Rui Pereira, Vítor Antunes e Vítor Jesus.