Faleceu António Narciso

Faleceu António Narciso

Os quintacondenses foram surpreendidos com a notícia da morte de um dos seus, António Narciso, o conhecido proprietário do “Celeiro da Quinta”.

António Inácio Narciso (19 de abril de 1943 – 19 de janeiro de 2018), nasceu em Santana, Portel, Évora. Em 1971 possuía um estabelecimento comercial em Torre da Marinha, quando após uma visita à Quinta do Conde aqui adquiriu alguns lotes onde, pouco depois, fixou residência, trazendo consigo os pais, então já com idade avançada.

Ia e regressava diariamente do seu estabelecimento condição que conjugada localmente com a inexistência de lojas, proporcionou a oportunidade de responder a algumas encomendas de vizinhos, encomendas que os pais entregavam aos interessados, gerando uma espécie de sucursal da loja da Torre da Marinha.

Esta prática ampliou-se e como no local quem dava a cara eram os pais de António Narciso a loja tornou-se conhecida pelo nome de “Os Velhotes”, designação que resistiu durante décadas. A aposta de António Narciso evoluiu para um estabelecimento do tipo “mini-mercado”, com a designação de “Celeiro da Quinta”.

A propensão para a organização coletiva levou-o a inscrever o “Celeiro da Quinta” na Associação de Comércio, Indústria e Serviços do Distrito de Setúbal, organização cujos corpos sociais integrou em sucessivos mandatos, incluindo nos cargos de presidente da Direção e da Assembleia Geral, bem como na delegação concelhia desta Associação. Teve também interessante intervenção política, que culminou com a função de Mandatário da CDU para o concelho de Sesimbra nas últimas eleições autárquicas.

Participou na organização dos simpáticos convívios de pioneiros da Quinta do Conde, realizados nos anos de 2006 a 2010 inclusive e em 2015.

Em reconhecimento, a Junta de Freguesia da Quinta do Conde atribuiu, em 9 de outubro de 2014, a António Narciso, a Medalha de Mérito da Freguesia. Em 4 de maio de 2015 foi a Câmara Municipal de Sesimbra a condecora-lo com a Medalha de Mérito Municipal.

O corpo é velado na Igreja de Nossa Senhora da Esperança (Quinta do Conde) esta terça-feira, dia 23, a partir das 17h00 e o funeral realiza-se quarta-feira 24 de janeiro para o Cemitério da Quinta do Conde.

À família e aos amigos a Junta de Freguesia da Quinta do Conde apresenta sentidas condolências.