Mais de duas mil crianças e jovens trouxeram para a rua a sua imaginação

Mais de duas mil crianças e jovens trouxeram para a rua a sua imaginação

Mais de duas mil crianças e jovens afectos aos estabelcimentos do 1º e 2º ciclo do ensino básico da Quinta do Conde, encheram de cor, alegria e imaginação, uma das artérias centrais da localidade com o tradicional desfile de Carnaval, conferindo-lhe um colorido que remete para os grandes acontecimentos.

A iniciativa da Câmara Muncipal de Sesimbra, realizada na manhã de 20 de fevereiro, com o apoio da Junta de Freguesia quintacondense, visa proporcionar às crianças e jovens que frequentam a rede pública de ensino, instituições particulares de solidariedade social e estabelecimentos privados sediados na localidade, um espaço anual de diversão e convívio, evidenciando a sua capacidade imaginativa.

Abelhas, palhaços, cataventos, gotas de água, flores, árvores e até as personagens do conto de Sofia de Melo Breyner Andersen “A Menina e o Mar”, como o rapaz de bronze, o cavalo-marinho e as demais figuras que povoam a aludida obra literária, constituiram temas objecto da criatividade dos intervenientes.

Mobilizando empenhos e saberes de educadores, pais e avós, o referido desfile assume, por isso, o carácter de um momento que marca o quotidiano da comunidade educativa da Freguesia nesta época do ano, reflectindo, a seu modo, a capacidade interventiva da população e o consequente reforço dos traços e valores identitários dos seus habitantes.

Não supreende, assim, que o evento tenha concitado o interesse de largas centenas de espectadores, muitos deles famíliares dos jovens partifipantes no citado desfile, que ao longo do percurso exultaram tanto ou mais do que as papoilas, espantalhos, fadas e a extensa panóplia de figuras que o imaginário infantil trouxe, mais uma vez, à rua, nesta manhã de Carnaval na mais jovem Freguesia do Concelho.