Assembleia de Freguesia aprovou contas do exercício financeiro da Junta de 2019

Apresentando um resultado positivo de quase cem mil euros, a Assembleia de Freguesia da Quinta do Conde aprovou, sem nenhum voto contrário, a conta de gerência do exercício financeiro da Junta referente a 2019.

Tentando retomar a normalidade possível, ante os constrangimentos decorrentes das medidas de protecção tomadas pela Direcção Geral de Saúde, devido à pandemia da COVID19, a Assembleia de Freguesia, reunida no pavilhão do Grupo Desportivo e Cultural do Casal do Sapo, apreciou e votou o relatório e conta de gerência da Junta de Freguesia, respeitante a 2019.

A retomada do funcionamento do órgão deliberativo da Freguesia ocorrida na noite de 9 e primeiras horas de 10 de Junho, visou restabelecer as disposições legais em matéria de funcionamento dos órgãos autárquicos, interrompido pelo estado de emergência oportunamente decretado e pela consequente inviabilização da obrigatória sessão ordinário de Abril.

Ao longo das duas sessões efectuadas apenas com o intervalo de alguns minutos, os membros da referida Assembleia procederam igualmente à aprovação da 1ª revisão orçamental, em ordem a acomodar o saldo transitado do anterior exercício para o orçamento de 2020, reforçando desse modo várias das suas rubricas.

No decurso dos trabalhos e respondendo a algumas questões suscitadas pelas várias bancadas, Vitor Antunes, Presidente da Junta enumerou um conjunto medidas tomadas neste período de tempo, assim como a aquisição de materiais tendentes a proteger os funcionários da autarquia.

Na ocasião, o autarca quintacondense, reiterou o empenho do executivo a que preside, em procurar responder às necessidades dos habitantes da freguesia, referindo, a esse propósito a concretização do processo de criação de três novos locais de voto em diferentes zonas da localidade, fomentando, assim o exercício do dever cívico a quantos nelas residem.

Sem a presença física de público, em ordem a respeitar as disposições emanadas pela DGS, os cidadãos tiveram no entanto a possibilidade de colocar questões através da de mensagem electrónica, sendo que apenas um morador usou tal instrumento, reportando uma situação relacionada com a falta do corte das ervas na área envolvente à sua residência.

Antecedendo o final da reunião, a Assembleia deliberou por unanimidade subscrever também o documento a enviar ao Governo aprovado pelo Conselho Pedagógico do Agrupamento de Escolas Michel Giacometti, denunciando as inúmeras carências matérias e humanas em que o citado estabelecimento de ensino funciona.

A par destas decisões, foram ainda aprovados uma moção e uma saudação a todos quantos estiveram na primeira linha do combate aos efeitos do vírus, independentemente da área em que o fizeram e um voto de louvor ao responsável pelo Grupo Caritativo Encontra a Esperança.

Atente-se que as primeiras palavras do presidente da Junta na Assembleia foram de ânimo e incentivo a Afonso Esteves, para que ultrapasse sem mais constrangimentos a atual situação de doença, que o obrigou a internamento hospitalar no Instituto Português de Oncologia e à amputação da perna direita. Afonso Esteves é membro da Assembleia de Freguesia da Quinta do Conde; foi fundador e presidente da Comissão Organizadora da Feira Festa, onde ainda exerce o cargo de presidente da Assembleia Geral; é dirigente da Associação para o Desenvolvimento da Quinta do Conde e da Comissão de Utentes da Saúde; foi fundador da Liga dos Amigos da Quinta do Conde.